A criação dos CONSELHOS foi uma novidade na política brasileira pois colocou a sociedade civil dentro do Estado. Essa novidade também mudou as práticas dos movimentos sociais que a partir dessa criação, juntamente com os conselheiros, precisaram unir forças para elaborar projetos para a cidade, para avaliar projetos e ações do governo e das entidades prestadoras de serviços públicos, e principalmente saber administrar tudo o que é público.

A composição dos CONSELHOS não é igual, pois cada qual esta relacionada com seu tema e a história do movimento social que esteve por trás de sua criação.

Os CONSELHOS paritários são formados por diferentes origens sociais e políticas, em número igual e com os mesmos direitos e poderes. Na prática é definida a composição de um Conselho (que setores serão representados) e, em seguida, é definido o número de membros, igual para cada representação. Podem ser compostos por vários segmentos sociais. Todo segmento tem direito a voz e voto. Por exemplo, para cada membro que representa o governo, vai haver um membro que representa a sociedade civil.

É importante lembrar que independente da composição e do caráter de cada CONSELHO, os conselheiros devem buscar sempre divulgar as suas ações com objetivo de estimular processos de mobilização e organização popular.

Os CONSELHOS MUNICIPAIS são criados com objetivo de contribuir para a história popular e democrática do Brasil. Uma maneira diferente de administrar o que é de todos e de valorizar o direito de cada cidadão, fortalecendo um novo jeito de fazer política ampliando a noção de direitos no processo de gestão compartilhada.

A Semdec atua a frente de três conselhos extremamente importantes para o desenvolvimento da cidade de Teresina. Sãos eles: CONTEDE, COMTUR e COMETE.

 

*Texto extraído da internet

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).