Prefeitura cede lotes para 6 empresas e Teresina ganha quase 300 empregos

A Prefeitura de Teresina concedeu lotes do Pólo Empresarial Sul para seis empresas, e a capital deve ganhar quase 300 empregos nos próximos meses. O acordo entre administração municipal e empresariado foi selado durante reunião na quinta-feira (6).

De acordo com o presidente do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Fábio Nery, a decisão está embasada principalmente na geração de emprego e renda que as empresas beneficiadas realizarão.

“Estas empresas já existem na cidade, mas estão localizadas em zonas urbanas, o que deixa inviável o tráfego tanto para quem aqui mora, quanto para elas. Com essa concessão de lotes e incentivos no Pólo, elas estarão em local adequado para suas atividades e irão gerar mais emprego na nossa cidade”, explicou o gestor.

A expectativa é que, com o acordo entre a Prefeitura e o empresariado, sejam gerados pelo menos 270 novas vagas de trabalho. A medida é baseada na lei municipal 2.528/1997, que atrai e incentiva investimentos com o objetivo de gerar emprego e renda. Essa política gerou um aumento elevado no número de empregos nos últimos anos na capital.

A concessão dos lotes às seis empresas ocorreu durante a 52º reunião do Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico de Teresina (CONTEDE), realizado pela SEMDEC. As empresas beneficiadas foram: Multi Distribuidora, L G Carvalho & Cia Ltda, Gerson Santos Rocha – ME (G S R DISTRIBUIDORA), Carvalho Júnior & CIA Ltda (Garra Distribuidora), LDB Transportes de Cargas LTDA, e a TMA Nordeste Transporte.

Floresta Fóssil é tema de discussão na Câmara Setorial de Turismo

A Câmara Setorial de Turismo reuniu-se nesta terça-feira, 4, para discutir o projeto do Parque Floresta Fóssil, além da integração turística entre os 15 municípios da Grande Teresina. A reunião contou com o secretário municipal Fábio Nery e pelo Vice-Presidente da Câmara, Moacir Uchôa, além do coordenador Geral das Câmaras Setoriais piauienses, Sérgio Vilela, e de membros representantes de instituições públicas e segmentos privados.

A secretária executiva de Planejamento do Município, Constance Jacob, exibiu aos membros da Câmara as principais propostas para a área o Parque Floresta Fóssil. Segundo Constance, a Floresta é um sítio paleontológico localizado nas margens do Rio Poti, em área urbana, com troncos fósseis petrificados do Período Permiano, ainda em posição de vida. É o único sítio paleontológico dentro de uma capital brasileira. As datações chegam a aproximadamente 280 a 250 milhões anos e fazem parte de sedimentos que constituem a formação geológica denominada Pedra de Fogo.
O Parque possui destaque no PDITS Teresina – Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável de Teresina, elaborado pela FGV – Fundação Getúlio Vargas, como um atributo do segmento do Ecoturismo e Turismo Científico, que faz parte da estratégia de diversificação da oferta turística do município. Foi criado em Janeiro de 1993 e está localizado na margem direita do Rio Poti, na Avenida Raul Lopes, nas imediações do Teresina Shopping e do Parque Estadual da Potycabana, fazendo parte do Sistema de Parques Ambientais do Município de Teresina.
Para o coordenador Sérgio Vilela, o projeto deve ser parte integrante dos pleitos da Câmara Setorial de Turismo, que poderá viabilizar a captação de recursos através de ingerências junto ao poder público, bem como a instituições internacionais que manifestem interesse no financiamento de projetos desse porte. “A incorporação desse empreendimento aos projetos da Câmara Setorial permitirá que um número maior de instituições públicas e privadas trabalhem no sentido de viabilizar os recursos necessários para a sua implantação”, disse Vilela.
A Câmara discutiu, ainda, a integração turística dos quinze municípios que compõem a Rede Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina (RIDE), através de projeto apresentado pela Coordenação Especial de Turismo da SEMDEC. A Câmara deverá sugerir e defender a implantação da sinalização turística das rodovias que interligam os municípios da RIDE.

COMTUR se reuniu nesta quarta-feira (29)

O Conselho Municipal de Turismo de Teresina esteve reunido, na manhã desta quarta-feira (29), no Hotel Velit, para discutir ações para o turismo local, entre os assuntos, estão o Projeto Girassol e a construção de um museu no Parque da Floresta Fóssil.

O Projeto Girassol, tem como principal objetivo combater a violência sexual infantil em Teresina. “Esse projeto vai observar e alertar os setores para a violência sexual infantil, além de desenvolver manuais de boas práticas para os setores de hospedagem, bares e restaurantes”, destaca o turismologo GilsonSousa.

Outro ponto importante da reunião foi o Parque de Floresta Fóssil, na qual tem uma importante contribuição para a capital. “A preservação do parque facilita o acesso aos visitantes, proporciona meios educativos as crianças, além de fortalecer o turismo local, possibilitando a criação de um museu de paleontologia, sendo uma porta de entrada para a Serra da Capivara”, destaca a coordenadora SEMPLAN, Constance Jacob.

As reuniões do CONTUR acontecem 4 vezes ao ano, essa é a segunda de 2016. “Essas reuniões são muito proveitosas porque podemos avaliar o que precisa os pontos fortes e fracos de em Teresina, debater e implantar o que for necessário”, observa o secretario de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Fabio Nery.

COMTUR-Teresina foi instituído pela Lei Complementar nº 4.191, em novembro de 2011, vinculado a SEMDEC, com o objetivo de estabelecer diretrizes para formulação e execução da Política Municipal de Turismo, com funções de planejar, fiscalizar, implementar e promover o desenvolvimento das atividades turísticas.

Polo Empresarial Sul ganha mais nove empresas

Nove empresas dos segmentos industrial, transporte e atacadista irão se instalar no Polo Logístico Atacadista, localizado no Polo Empresarial Sul. Os decretos de concessão de terrenos para a instalação das empresas foram assinados hoje(28) pelo prefeito Firmino Filho, no Palácio da Cidade.

A concessão dos terrenos faz parte da ampliação da política de incentivos para atração de empresas, visando a geração de empregos. “Isso sinaliza o reconhecimento da importância dessas atividades de transporte e logística e também do segmento de atacado para o desenvolvimento da economia da nossa capital”, afirma o secretário de Municipal Desenvolvimento Econômico e Turismo, Fábio Nery.

Humberto Martins, presidente do sindicato das transportadoras, afirma que a concessão de terrenos veio em boa hora. “No período em que vivemos essa concessão fomenta o desenvolvimento, gerando emprego e renda para a capital”, observa.

Em seu discurso, o prefeito Firmino Filho comenta que além de gerar emprego e renda, a instalação dessas empresas no Polo Empresarial Sul desafogará o trânsito. “Teremos em nossos polos setores que vão ajudar no crescimento de Teresina e desafogar o trânsito, evitando os grandes congestionamentos”, completa o prefeito.

Firmino, comentou que Teresina caminha em passos largos para se ter uma área moderna onde as empresas possam se localizar e desempenhar seu papel. “Quando a gente fala no crescimento da cidade, as indústrias estão ficando cada vez mais distantes e o setor de serviços perto. Exemplo disso é são Paulo, onde as grandes indústrias estão cada vez mais longe da zona urbana”, destaca o Prefeito Firmino Filho.

As empresas contempladas vão investir, juntas, cerca de R$ 34 milhões na capital. Entre elas estão a Distribuidora Vitoria; RD Soares; Braga & CIA; Raça Transporte; Expansão; F Rocha Comércio; Rodoviário Garra; F Barros; Santral; Getex, Logos Transportes e Transcargas.

SEMDEC contribui com estudo de viabilidade socioeconômica do DNIT

Um representante do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) esteve reunido na manhã de hoje (22) com uma equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec) colhendo informações sobre Teresina. O objetivo é a realização de um estudo de viabilidade socioeconômica sobre o Rodoanel.

A Prefeitura de Teresina, por meio da Semdec, está contribuindo para o estudo de forma quantitativa. “Disponibilizamos nossos projetos sobre a capital a fim de contribuir para este estudo de viabilidade socioeconômica, que tem o objetivo de minimizar conflitos”, destaca Fábio Nery, gestor da Semdec.

Leilane Vaz, economista e representante do DNIT, conta que o estudo está sendo feito para minimizar os impactos socioeconômicos. “Estamos fazendo esse estudo para minimizar o impacto que o Rodoanel terá sobre o município e o município sobre o Rodoanel”, explica.

 

Rodoanel

É uma obra de mobilidade urbana do governo do Estado do Piauí que vai proporcionar a desobstrução do tráfego da capital, garantindo qualidade de vida para população.

A previsão é de que após a inauguração cerca de cinco mil veículos pesados deixem de trafegar pelo perímetro urbano da capital, melhorando de forma significativa a fluidez no trânsito. Além disso, o Rodoanel vai reduzir em 15 quilômetros as distâncias entre as saídas Sul (BR 316) e Norte (BR 343) de Teresina.

SEMDEC realiza ação no Terminal Rodoviário Lucídio Portela

O período junino sempre movimenta a cidade e sabendo disso a Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), realiza ações no Terminal Lucídio Portela para prestar informações turísticas aos visitantes durante esta semana.

Equipes da coordenadoria de turismo da Semdec estão no balcão de informação, localizado na entrada da rodoviária, entregando panfletos sobre o Terejunina 2016 e informando aos visitantes sobre os pontos turísticos da capital. A ação começou nesta segunda-feira (20) e já ofereceu mais de 100 atendimentos.

Teresina recebeu em média 382.000 turistas no ano de 2015 e tem projeção de receber 493.000 neste ano, são dados da coordenadoria de Turismo da Semdec.

Pensando nos milhares de turistas que circulam na capital o secretário da Semdec, Fábio Nery, já visitou os administradores do terminal solicitando parceria. “Estamos aguardando as obras de revitalização finalizarem para fechar a parceria e deixar bem informados os visitantes da nossa capital”, comenta.

 

Terêjunina 2016

O evento é uma realização da Prefeitura de Teresina. Acontece durante o mês de junho com uma vasta programação cultural envolvendo shows gratuitos, apresentações de quadrilhas e Bumba meu Boi, entre outros.

Na próxima sexta-feira (24), dia de São João, a programação fica por conta do Concurso de Rainha Junina no CEU das Artes, às 19h. Já no dia 25, sábado, acontecem dois eventos: às 19h será o Concurso Casamento Matuto/ Melhor Quadrilha, no CEU das Artes e o Concurso de Rainha Junina, no Dirceu. No domingo (26) o Bumba Meu Boi Beija-flor da Floresta será batizado, às 19h, na Taboca do Pau Ferrado, zona rural de Teresina.

Encerrando as atividades, na próxima terça-feira (28), às 19h, acontecerá o aniversário do Parque Lagoas do Norte com a Orquestra Sinfônica de Teresina.

 

Confira o resultado da seleção do Programa Minha Primeira Empresa

A Associação de Jovens Empreendedores do Piauí e o Instituto de Estudos Empresariais divulgaram nesta segunda-feira (20) o resultado do programa Minha Primeira Empresa. O resultado está disponível no link: http://mpeteresina.com.br/resultado-da-selecao-do-mpe/ .

A próxima etapa do programa é delinear o perfil empreendedor destes 100 jovens que foram selecionados para primeira etapa do programa. Os selecionados, ainda, participarão de cursos de iniciação ao empreendedorismo, gestão da primeira empresa e plano de negócios, criação da empresa e a obtenção de crédito.

O programa é uma parceria da AJE, do IEMP e, da Prefeitura de Teresina, por meio, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Teresina.

“O projeto tem uma proposta moderna e atual, aliando crédito com qualificação e acompanhamento com o objetivo de capacitar empreendedores e aumentar suas oportunidades de negócios de forma sustentável, tornando possível e viável a formalização da primeira empresa”, destaca o secretário da SEMDEC, Fábio Nery.

O programa Minha Primeira Empresa foi criado em 2011, idealizado pela Associação de Jovens Empreendedores e Empresários de Goiás (AJE Goiás). Esse projeto é destinado a graduandos de cursos ligados à gestão empresarial, pessoas que tenham projetos para empreender, empresários não formalizados e membros da comunidade que busquem sua primeira empresa.

Projeto Qualificatur está com matrículas abertas

O projeto Qualificatur está com matrículas abertas para os cursos de Recepcionista em Meios de Hospedagens e Qualidade no Atendimento ao Turista. Este projeto é uma parceria da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo e a Fundação Wall Ferraz.

O curso de Recepcionista em Meios de Hospedagens tem carga horária de 80h/aulas, três vezes na semana, segunda, quarta e sexta, e o curso de Qualidade no Atendimento ao Turista, 60 h/aulas, terça e quinta. As aulas iniciam dia 04 de julho, na SEMDEC, no horário de 18h30 às 21h30, e tem duração de dois meses.

Os interessados devem ter ensino médio e fundamental completo para se inscrever neste projeto, respectivamente, nos cursos de recepcionista e qualidade no atendimento.

A inscrição do projeto Qualificatur é gratuita, e para se matricular os interessados podem se dirigir a SEMDEC, localizada na Av. Campos Sales, 1292, centro, no período de 20 a 30 de junho, no horário de 8h às 13h, com cópia RG, CPF e comprovante de residência.

O Projeto propõe a profissionalização e desenvolvimento sustentável do meio turístico em Teresina. “O projeto contribui para o fortalecimento do turismo local, satisfazendo as necessidades dos turistas, além de promover benefícios culturais e econômicos para a comunidade”, destaca Fábio Nery, secretário SEMDEC.

SEMDEC participa da 2ª edição do prêmio Banco do Nordeste

A Prefeitura de Teresina, por meio, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, participou da cerimônia de entrega da 2ª edição do prêmio Banco do Nordeste da Micro e Pequena Empresa, na noite desta quinta-feira (16), no Luxor Piauí Hotel.

Pão e Companhia, Vam Motos e Instituto Barros de Ensino foram às empresas que ganharam os troféus nos setores de Indústria, Comércio e Serviços, respectivamente. Essas empresas piauienses se destacaram por meio de iniciativas inovadoras e melhoria da competitividade nesses setores. “Esse prêmio estimula a promoção das pequenas e micro empresas, que são uma porta de entrada do empreendedorismo buscando uma sociedade mais justa”, observa Fábio Nery, secretario da SEMDEC.

O Prêmio tem finalidade de contribuir para ampliar a cobertura do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) a MPEs e estimular as empresas a buscarem crescimento e desenvolvimento no âmbito do desempenho econômico-financeiro, da qualidade da gestão ou de iniciativas inovadoras.

As empresas foram selecionadas em um universo de mais de 65 mil clientes que contrataram operações de financiamento, com recursos do FNE, de acordo com os seguintes critérios: inovações empregadas no negócio, competitividade, adoção de práticas que visam à redução do impacto ambiental, número de empregos gerados, além de evolução das receitas após o financiamento.

As informações quantitativas e qualitativas, no Estado, foram analisadas por uma comissão julgadora composta por representantes da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Piauí, Câmara de Dirigentes Lojistas de Teresina, Federação das Indústrias do Piauí, Associação Comercial do Piauí, bem como Sebrae-PI.

Câmara Setorial do Turismo é oficializada

O turismo Piauiense ganhou reforços na manhã desta terça-feira (14), devido a assinatura do decreto de oficialização da Câmara Setorial do Turismo. A Prefeitura de Teresina por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo está ligada a esta câmara com o objetivo de alavancar o turismo no Estado.
Na ocasião, o secretário da SEMDEC,  Fábio Nery, destaca que o objetivo da Câmara é fazer um planejamento para melhorar o turismo. “A partir do momento que há desenvolvimento econômico planejado a economia anda e consequentemente o turismo evolui”, observa.
“Temos o maior corso do mundo, o maior lençol freático do mundo, precisamos acreditar no nosso Estado e nunca perder a esperança”, completa Ehrlich Cordão, presidente da câmara setorial do Turismo.
As Câmaras Setoriais são um elo de ligação entre o setor privado e público, com a finalidade de propor, apoiar e acompanhar ações para o desenvolvimento das atividades da cadeia produtiva.
O governador do Estado, Wellington Dias, agradeceu a dedicação das equipes que compõe as Câmaras. “Todos temos um objetivo em comum, fazer com que o Piauí evolua o desenvolvimento econômico”, observa.