A demanda de empregos no setor de serviços tem aumentado na capital piauiense, principalmente no segmento de bares e restaurantes. Porém, a carência de mão de obra qualificada ainda é um dos grandes desafios enfrentados pelos empregadores, segundo o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Piauí (ABRASEL).

Para suprir esta necessidade e contribuir na geração de emprego e renda em Teresina, a Prefeitura através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC), oferece mais 6 cursos pelo Pronatec Turismo, iniciados nesta terça-feira (10) no auditório do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI).

Os cursos são de Cerimonialista, Agente de Informações Turísticas, Copeiro, Cozinheiro, Garçom e Recepcionista de Eventos, ministrados pelo  IFPI. No total são 120 pessoas inscritas, entre homens e mulheres de várias idades.

O secretário da Semdec, Fábio Nery, representando também o prefeito Firmino Filho no evento, relatou que esta é a melhor maneira que o poder público encontrou para preencher a carência do mercado de trabalho. “É ofertando estas qualificações, em parceria com o Pronatec Turismo, que encontramos um jeito de preencher essa necessidade de bons profissionais em falta no mercado de trabalho”,  disse o gestor em seu discurso.

O reitor do IFPI, Paulo Henrique Gomes de Lima, falou que o mercado busca por qualidade de serviços e os cursos que estão sendo ofertados pelo programa darão aos participantes esta qualificação necessária. “Queremos que vocês aproveitem, façam um bom curso. Porque a pessoa quer qualidade de serviço. E é isso que vocês estão tendo aqui, qualificação”, pontuou.

Com a palavra e a visão de mercado, o presidente da ABRASEL Jorge Holanda, afirmou que existe emprego para os profissionais, mas há a necessidade dessa mão de obra ser capacitada. “A gente quer empregar todos vocês, mas também queremos que todos estejam capacitados. Existe uma rotatividade muito grande nessa área de cozinheiros, garçons, copeiros… Isso é prejudicial ao estabelecimento. Então, a qualificação de todos vocês é muito importante”, disse Holanda, explicando que já está viabilizando parceria com a organização dos cursos para a contratação dos participantes.

Sobre o potencial turístico da capital e seus benefícios, o Coordenador de Turismo da Semdec, Eneas Barros, explicou aos inscritos que eles terão, após a conclusão de seus cursos, uma gama de serviços à espera de todos. A aula inaugural foi proferida pelo professor José Filho com a palestra Formação Integral do Educando e o Mercado de Trabalho.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).