Ponte Estaiada terá escultura de anjo em homenagem ao poeta Torquato Neto

Teresina terá uma escultura de um anjo, com três metros de altura por dez metros de envergadura de asas, em homenagem a Torquato Neto, poeta teresinense, jornalista e letrista de música popular. A peça, assinada pelo artista Braga Tepi, chegará no  mês de março, em comemoração aos 10 anos de inauguração da Ponte Estaiada João Isidoro França.

A escultura ficará localizada no espaço da alça direita da ponte. O local passará a ser chamado de Praça do Anjo. A inspiração para o nome veio do poema de Torquato Neto “Let’s Play That”, onde o poeta fala sobre um “anjo louco, torto” e com “asas de avião” que veio lhe visitar.

De acordo com o secretário municipal de desenvolvimento econômico e turismo (Semdec), Venâncio Cardoso, a ideia de colocar uma escultura no local, é para homenagear um dos principais nomes na poesia piauiense e também transformar o local em um ponto de cultura com a realização de exposições de arte, entre outras ações.

“A Semdec vem trabalhando para dinamizar a frequência da população na Ponte Estaiada. Nós queremos ter na ponte também um local para inspirar e ser palco da nossa poesia, com exposição de arte, realização de saraus. A chegada da escultura do anjo no local vem para coroar essa iniciativa, celebrar os 10 anos de inauguração da ponte e ainda ser o ponto de partida para uma série de melhorias que estão planejadas para todo este ano”, explica.

A obra é uma iniciativa da Semdec tendo a execução por conta da SDU/ Leste, que já está realizando a estruturação para receber a obra de arte. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação ficará responsável pela iluminação do local.

Torquato Neto

Torquato foi um importante jornalista, compositor, cineasta e ator brasileiro. Ele nasceu em novembro de 1944, em Teresina (Piauí). Em 1961 mudou-se para Salvador (BA). No mesmo ano, Torquato resolveu deixar Salvador e mudou-se para o Rio de Janeiro para cursar jornalismo na Faculdade Nacional de Filosofia. Enquanto trabalhava como jornalista, Torquato escrevia poesia e música. Ele desenvolveu amizade e trabalhou junto com nomes como Caetano Veloso, Gal Costa, Gilberto Gil e Maria Bethânia. O artista foi um dos precursores do Movimento Tropicalista.