Procon Teresina inicia fiscalização de fornecedores que vendem álcool em gel e máscaras

O Procon Teresina irá adotar novos métodos de atendimento e funcionamento por causa da pandemia do novo coronavírus (COVID-19). A decisão veio após o anúncio de medidas de prevenção da Prefeitura de Teresina apresentadas na manhã desta terça-feira. Com isso, o órgão deve concentrar parte de suas atividades na fiscalização de fornecedores que vendem álcool em gel e máscaras a partir desta quarta-feira (18).

De acordo com a Fundação Municipal de Saúde (FMS), oito casos suspeitos em Teresina estão sendo investigados. Para conter uma possível propagação do vírus na capital, o Procon Teresina, que trabalha com atendimento ao público, passará a realizar a esse tipo de trabalho pelo e-mail (proconteresina@gmail.com), seja para receber reclamações ou denúncias. Além disso, ficou determinada a suspensão de audiências de conciliação. As novas medidas de atendimentos valerão a partir da quinta-feira (19).

A equipe do órgão de defesa do consumidor estará nas ruas todo dia até o fim de março. Estão previstas no total, 40 visitas aos diversos tipos de fornecedores e estabelecimentos. “O Procon Teresina vai atuar no sentido de preservar os consumidores de fornecedores que estejam querendo lucrar ou ludibriar pessoas em um momento delicado para a saúde pública. Iremos começar as fiscalizações amanhã. Não podemos permitir que preços abusivos sejam praticados”, diz o gestor da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), Venâncio Cardoso, pasta a qual o órgão é vinculado.

A coordenadora geral do Procon Teresina, Nara Cronemberger, explica que por causa das medidas de prevenção, denúncias e reclamações devem ser realizadas via e-mail a partir de agora, e não via redes sociais. “Nossas redes sociais estão recebendo denúncias e reclamações. Quero deixar claro que este não é o canal correto para fazer este tipo de ação. Nós estamos recebendo a partir de agora, denúncias e reclamações via e-mail, que é o proconteresina@gmail.com”, informa.

Nara acrescenta que se as pessoas querem apenas tirar dúvidas, devem ligar para o Procon Teresina. “Como estaremos funcionando de forma especial pelos próximos 15 dias, as fiscalizações a fornecedores serão intensivas, já que estamos percebendo um aumento abusivo nos preços de insumos como álcool em gel e máscaras”, explica.

Para fazer denúncias e reclamações por e-mail é necessário que sejam enviados digitalizados documentos como RG, CPF (ou CNH), Comprovante de Residência e demais documentos relativos à reclamação. Todas as queixas, obrigatoriamente, devem ser enviadas em anexo. Os números de telefone do Procon Teresina são: (86) 3216-3041 e (86) 3216-3040.

Prefeitura suspende licença para eventos na Ponte Estaiada e adia os que já estavam marcados

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), decidiu suspender todo tipo de licença para a realização de eventos no Complexo Turístico Ponte Estaiada a partir desta quinta-feira (19). A medida veio para que se evite aglomeração de pessoas no local, seguindo as orientações da Fundação Municipal de Saúde (FMS). Além disso, todos os eventos que aconteceriam nos próximos dias serão remarcados.

Eventos como a inauguração da Praça H.Dobal, que estava prevista para o dia 26, a encenação da Paixão de Cristo, prevista para o dia 05 de abril, e o projeto #VemPraPonte, que estava sendo realizado aos domingos, foram suspensos enquanto perdurar o risco de transmissão do coronavírus. Novas datas serão apresentadas em breve.

De acordo com o secretário da Semdec, Venâncio Cardoso, a suspensão de licença e o adiamento dos eventos previstos para março e abril são medidas de controle alinhadas com as orientações da Prefeitura de Teresina para que o contágio do novo coronavírus seja controlado na capital.

“Estamos vivendo um momento onde a saúde pública é a prioridade da vez. Destaco que essas medidas são válidas inicialmente pelos próximos 15 dias, de acordo com orientações que nos foram repassadas. Os eventos não serão cancelados, serão adiados, tudo para que evitemos aglomeração de pessoas”, explica Venâncio.

Visitação ao Mirante

A visitação ao mirante da Ponte Estaida, que recebeu só em 2019 46.705 visitas, também foi suspensa. Somente os funcionários poderão acessar o local para realizar limpeza e manutenção do espaço. A medida também é válida a partir desta quinta-feira.

Outros eventos

O Selo Dona Saló, que seria realizado nesta quarta-feira (18), no Teatro do Boi, também será adiado, assim como a inauguração do Espaço Thech, que funcionará na Praça dos Skatistas, zona leste da capital. Além disso, o Projeto Empreende Bairro – Zona Sul, que está sendo sediado no Senac Unidade Audir Lages, no bairro Parque Piauí, teve suas atividades suspensas nesta segunda-feira (16), assim como a Feira Empreende, que estava prevista para o dia 28, encerrando o Projeto. Um novo calendário será apresentado em breve pela Semdec.