Procon participa de fiscalização a postos de combustíveis em Teresina

Pelos menos 24 postos de combustíveis foram fiscalizados pelas equipes do Procon Municipal, que esteve sob coordenação do Procon Estadual e Polícia Civil durante a operação Petróleo Real deflagrada na última quinta-feira (08), em Teresina.

A operação que aconteceu também em diversos locais do país visou reprimir irregularidades, além de combater os constantes reajustes que os valores do combustível têm sofrido recentemente e prevenir e reprimir os crimes relacionados às práticas abusivas e ilegais que afetam este setor. Em Teresina, a ação contou com o apoio da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Guarda Civil Municipal, Procon, Imepi, Inmetro, Sefaz e Semam.

Segundo a coordenadora geral do Procon Teresina, Nara Cronemberger, quatro equipes foram distribuídas em todas as zonas da capital. As equipes estiveram verificando qualidade, preço e armazenamento dos combustíveis comercializados, dentre outros aspectos.

“Essa fiscalização envolveu órgãos da esfera municipal, estadual e federal. Na oportunidade, estivemos verificando se houve um aumento abusivo nos preços de combustíveis de acordo com o que foi autorizado pelo governo na última terça-feira e se nas lojas de conveniências tinham produtos vencidos, além da qualidade e quantidade de combustíveis, visando uma proteção ao consumidor”, esclarece a coordenadora.

Inicialmente, durante a vistoria foi constatado em um posto de gasolina na Avenida Dom Severino, zona Leste de Teresina problemas na medição das bombas, onde os consumidores levavam uma quantidade de combustível bem inferior ao que era pago. “O estabelecimento foi notificado e a bomba acabou sendo lacrada e só poderá voltar a funcionar, após a correção das irregularidades”, afirma Nara.

Em outro posto, este localizado na Avenida Presidente Kennedy, os fiscais não encontraram irregularidades nas bombas de combustíveis. No entanto, foi realizada a verificação na loja de conveniência do estabelecimento e no local foram encontrados diversos produtos vencidos, entre pizzas e bebidas.