Mais de 700 pessoas participaram da Semana Global do Empreendedorismo de Teresina

Os números mostram a necessidade de promover cada vez mais a cultura empreendedora em Teresina. Na última edição da Semana Global do Empreendedorismo (SGE) 2017, compareceram aos três dias de evento 750 pessoas, sendo a maioria dos entrevistados composta por homens.

A pesquisa aplicada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), avaliou o nível dos particpantes no evento e se a iniciativa da prefeitura de Teresina em parceria com a Rede Global de Empreendedorismo (RGE) estava dentro dos padrões desejado pelos teresinenses.

Entre os quesitos, destacam-se palestras que mais agradaram, faixa etária, nível de aproveitamento pessoal, nota ao evento, e frequência.

Os temas de palestras que abordaram ou envolviam o Marketing, foi o que mais agradou, com 31,9% dos entrevistados. Cerca de 64,3% dogrande público formado eram homens; e 61,9% dos participantes tinham entre 18 a 25 anos.

No nível de aproveitamento pessoal, quase a metade dos entrevistados (45,2%) disseram que os resultados estão entre 61% a 80%. A SGE 2017 que contou com mais de 20 atividades, entre palestras e workshops, ganhou a 8,4; com uma frequência de 50% durante os três dias de evento.

Esta é a terceira edição que a Prefeitura de Teresina através da Semdec em parceria com a RGE, promovem o evento. Veja aqui pesquisa completa.

Prefeitura lança terceira edição da Semana Global de Empreendedorismo

A terceira edição da Semana Global de Empreendedorismo de Teresina (SGE), que ocorrerá nos dias 16, 17 e 18 de novembro, foi lançada na noite desta segunda-feira (14), no auditório do Uninovafapi, com a palestra “Como o empreendedorismo digital pode melhorar nossa cidade”. O evento, que tem como objetivo disseminar a cultura empreendedora, terá como diferencial nesta edição o uso da tecnologia.

Durante a abertura do evento, o prefeito de Teresina Firmino Filho destacou que só através do empreendedorismo é que uma cidade pode crescer economicamente sem depender apenas do Estado. “Não teremos uma economia dinâmica sem que tenhamos empreendedores. Sem termos pessoas dispostas a assumir riscos, encontrar novos mercados. Existe a necessidade de quebrarmos esses paradigmas que nos prendem a miséria e subdesenvolvimento. Nossa forma deve ser reinventada. Não é feio acreditar em si mesmo. Não é feio lutar pelo seu próprio negócio”, disse.

O gestor lembrou ainda que em Teresina a cultura entre os jovens é muito voltada ao concurso público, e que um evento da magnitude da Semana Global é uma oportunidade para exercitarmos o ‘fazer diferente’. “Nós temos uma cultura que diz: Não! Vai ter que estudar para próximo concurso. Busque o seu concurso público. Esse é o modelo mental que adotamos. E esse temos que combater. A cultura estatizante está falida. Os jovens líderes, pessoas que querem construir um projeto diferente, precisam deixar sua marca própria e esta é uma grande oportunidade”, pontuou Firmino Filho.

3fb7bf3866

A educadora e empresária Vaulete Sá está participando pela terceira vez da SGE Teresina e, segundo ela, o evento possibilitou a sua empresa um maior número de clientes, além do aumento da sua rede de contatos. “Eu acredito no empreendedorismo coletivo e é por isso que estamos aqui comentando esse movimento. Para o meu negócio, para meu empreendimento, tanto participei como contribui. Pra gente alavancou os negócios, melhorou a rede de contatos, captando novos clientes. Outro ponto foi o aumento das parcerias, tivemos espaços dentro do evento pra ampliar nossa competitividade. Tenho certeza que será mais um evento inovador este ano”, explicou Vaulete.

A união entre o poder público, a academia e a iniciativa privada é uma fórmula que poderá render bons frutos ao município e sobretudo aos jovens que participarem dessa edição. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), Aluísio Sampaio, “a ideia aqui é juntar a academia, o governo e a iniciativa privada para que possamos juntos estruturar essa semana que acontece em todo o mundo. Certamente, com a contribuição desses três entes, nós vamos estruturar o evento com grandes palestrantes, para disseminar e desenvolver a ideia do empreendedorismo no meio dos nossos jovens”, disse o secretário.

Área digital

O espanhol formado em Engenharia de Telecomunicação e mestre em Administração de Empresas, Ignácio Franganillo, abordou os aspectos de como empreender na área digital, utilizando as ferramentas de aplicativos e soluções na internet. Ele lembra que é mais do que necessário essa união de todas as camadas institucionais para que haja um desenvolvimento e pessoas dispostas a empreender. “Os empreendedores tem essa capacidade de desenvolver a cidade em que vivemos”, disse.

9b1a50e491

A Semana Global de Empreendedorismo está presente em diversos países, e no Brasil, o evento é de responsabilidade do Instituto Endeavor de Empreendedorismo. No Piauí, a sua realização é capitaneada pela Prefeitura de Teresina por meio da Semdec.

Semana Global do Empreendedorismo qualifica 1.800 pessoas

Durante seus três dias, a Semana Global do Empreendedorismo recebeu um público de 1.800 pessoas, que receberam qualificação e puderam participar de 95 atividades em 100 horas de evento. À frente da realização da Semana, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Turismo (Semdec) contabiliza ainda a participação de 40 instituições.
Foram realizados palestras, fóruns, oficinas e workshops, totalizando 95 atividades e 1200 inscritos. O objetivo do evento foi fortalecer e disseminar a cultura empreendedora conectando, capacitando e inspirando pessoas a empreender na capital.
As atividades desenvolvidas ao longo do evento receberam diferentes públicos e focaram em temáticas diversas, sempre abordando o empreendedorismo, inserindo no município uma agenda internacional de desenvolvimento econômico, visando estimular, promover e propiciar aos cidadãos, empresários, microempreendedores, sociedade civil e o poder público a prática da criatividade empreendedora.
Para Fábio Nery, gestor da Semdec, o evento foi um verdadeiro sucesso e a cidade de Teresina participa pelo segundo ano consecutivo. “É preciso estimular as pessoas, principalmente nesse momento de crise que o nosso país passa. Esse evento é um grande movimento que acredita na causa do empreendedorismo com capacidade de gerar desenvolvimento econômico social e transformar realidades”, disse.
A Semana Global do Empreendedorismo é um movimento mundial que acontece simultaneamente em 157 países, motivando milhares de organizações e pessoas.

 

Histórias empreendedoras ganham espaço em novo projeto da Prefeitura

O “Comecei do Zero” é o mais novo projeto audiovisual da Prefeitura de Teresina, criado para fortalecer e incentivar o empreendedorismo nas comunidades, através de cases de sucesso de diferentes personagens que obtiveram êxito em seus negócios nos bairros da capital. O projeto é uma iniciativa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo – SEMDEC, e será lançado nesta sexta-feira (18) na Semana Global do Empreendedorismo de Teresina, no auditório do SEBRAE-PI, às 18h.
A ideia do projeto é inspirar e gerar ideias nos futuros empreendedores que irão assistir, mostrando historias de sucesso pessoal e profissional nas mais adversas situações.“Quando pensamos em criar esse projeto, levamos em consideração as historias de gente como a gente, bem diferente dos programas que estão por aí, geralmente exibindo magnatas e grandes empresários. Portanto, tivemos esse cuidado de mostrar que o cidadão da periferia também empreende e dá resultados para o município, gerando um impacto social e econômico nas suas comunidades. Esse pequeno e médio empreendedor também precisa ser mostrado”, explicou o secretário da SEMDEC, Fábio Nery.
De acordo com o gestor, os vídeos estão diversificados em empreendedorismo social, cultural e empresarial, e abordam casos de pessoas que realmente começaram do zero e hoje contribuem para o desenvolvimento da cidade de Teresina, seja na geração de emprego ou proporcionando reconhecimento aos seus potenciais.
Formato do projeto
Os personagens darão seus depoimentos em um tempo máximo de três a quatro minutos, explanando suas dificuldades, desafios e métodos utilizados para supera-las. A exibição dos conteúdos será realizada via redes sociais, pelo canal do youtube.com/comeceidozero, fb.com/comeceidozero e no  instagram.com/comeceidozero.

Firmino abre Semana Global e ressalta importância da cultura empreendedora para Teresina

Durante a cerimônia que abriu a Semana Global do Empreendedorismo, o prefeito de Teresina, Firmino Filho, chamou a atenção para necessidade de implantação de uma cultura empreendedora e para a importância das pequenas, médias e microempresas na economia local. A Semana Global do Empreendedorismo pretende fortalecer e disseminar a cultura empreendedora, conectando, capacitando e inspirando as pessoas a empreender na capital.

 

“Temos uma tarefa hercúlea no estado do Piauí, no Nordeste como um todo e em Teresina de forma mais presente, de nós firmarmos uma cultura do empreendedorismo, a verdade da economia de mercado, porque ninguém cresce com o Estado, ele não gera riqueza, só distribui. Através do Estado nós não vamos conseguir sair das nossas condições de subdesenvolvimento. Não adianta discurso político para mudar essa realidade. Economia de mercado depende fundamentalmente dos seus empreendedores, daqueles que vendo as oportunidades, as disponibilidades, daqueles que tem a coragem de assumir o risco, de sair de casa sem saber se vai poder pagar a duplicata no final do mês, dessas lideranças que fazem o processo de produção acontecer, que fazem o novo aparecer. Esse é um embate cultural que precisamos ter no nosso Estado porque se não tivermos uma mensagem para aqueles milhões de homens e mulheres que tem um potencial de liderar todos esses processos, se não tivermos um indicativo de que existem outras alternativas além do concurso público, esse potencial pode ser desperdiçados”, afirmou o prefeito.

 

Para a realização do evento, a Prefeitura conta com 40 parceiros. A organização da semana está sendo feita pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo e a programação é composta por palestras, competições, oficinas e workshops, focando no empreendedorismo, inserindo no município uma agenda internacional de desenvolvimento econômico, visando estimular, promover e propiciar aos cidadãos, empresários, docentes, discentes, microempreendedores, sociedade civil e ao poder público a prática da criatividade empreendedora.

 

De acordo com o secretário Fábio Nery, o empreendedorismo deve estar não só na iniciativa privada, mas nas ações públicas também, além do desenvolvimento social. “Esse ano o tema principal do evento trata e inclui as cidades. Esse é o papel da prefeitura nesse movimento. Como realizadores pelo segundo ano consecutivo, esperamos superar o público de 3 mil pessoas, que foi o do ano passado. Ele é realizado simultaneamente no mundo todo e esse tema, apesar de sr vinculado à iniciativa privada, está nas ações sociais, no governo e em cada um de nós. Precisamos estimular as pessoas principalmente nesse momento de grande desafio que o nosso país passa. Temos um limite de orçamento e temos que dar a nossa contrapartida, que é a criatividade, o esforço, a dedicação. Através disso, precisamos discutir qual é o papel do Estado e de cada um de nós a contribuir com esse momento. E esse papel passa pelo empreendedorismo. Na nossa secretaria, muitas das ações não vieram de recursos orçamentários, e sim de muita criatividade. Soubemos articular com instituições, unir forças e realizar para o bem de todos. Parece uma coisa simples, mas quando você começa, vem os empecilhos e motivos para desistir, mas não desistimos porque os objetivos são voltados para todos”, disse.

 

Além das iniciativas da Semdec no incentivo aos empreendedores da cidade, várias outras secretarias estão envolvidas com o tema. Um exemplo foi lembrado pelo prefeito Firmino Filho. “Esse evento tem grande importância no meio de uma sociedade estatal. Temos que levantar uma bandeira que ainda é uma novidade nas nossas terras: a bandeira do empreendedorismo. Queremos parabenizar a Semdec pela importância desse tema e ressaltar a importância do incentivo que a Prefeitura vem dando para o desenvolvimento dessa cultura empreendedora. No momento, 500 crianças estão passando por um processo de debate e sensibilização para o empreendedorismo nas escolas do município. São ações como essa que vão frutificar no nosso futuro”, finalizou.

 

A Semana Global do Empreendedorismo é um movimento mundial que acontece simultaneamente em 157 países, motivando milhares de organizações e pessoas. A programação completa do evento em Teresina está disponível na fanpage:fb.com/sgeteresina2016.