Empreende Bairro movimenta o Mocambinho com exposições e atividades culturais

O Projeto Empreende Bairro encerrou, na noite de ontem (22), mais um ciclo de atividades e ficou marcado pelo incentivo e a valorização dos empreendimentos do bairro Mocambinho. Realizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), a “Feira Empreende Bairro”, montada na Praça da Telemar, no bairro Mocambinho, veio com proposta de aliar a exposição de produtos e serviços a atividades culturais, como shows musicais e desfiles de moda. Cerca de 24 empreendedores participaram do evento.

De acordo com o Prefeito Firmino Filho, a capacitação oferecida pelo projeto fortalece o desenvolvimento das habilidades dos empreendedores do ‘Polo Mocambinho’. “Sabemos que a luta para se estabelecer o próprio negócio não é fácil e a Prefeitura, por meio da Semdec, juntamente com os parceiros envolvidos, trouxeram para esta região um processo de qualificação para estes empreendedores. A Feira marca o fim das atividades do projeto a partir da exposição dos negócios daqueles que participaram da iniciativa”, explicou.

Segundo o gestor da Semdec, Venâncio Cardoso, o sucesso da Feira Empreende Bairro consolidou o objetivo final do projeto. “Tem muita gente participando, apoiando e enxergando a importância do Empreende Bairro. O nosso objetivo com esta feira é justamente dar aos micro e pequenos empreendedores a oportunidade deles mostrarem seus produtos e serviços e com isso, multiplicarem seus negócios, uma vez que, eles tendo visibilidade da comunidade local, a probabilidade do dinheiro continuar circulando nesta região é muito maior, fato que posteriormente gera riqueza, renda e emprego”, afirmou.

Para Wagna Costa, que trabalha com aluguel de roupas para eventos especiais e foi uma das expositoras no evento, o projeto impactou significativamente sua empresa, que está há mais de 30 anos no mercado. “Foi extremante gratificante participar do Empreende Bairro. Fui a todos os minicursos e posso dizer que era tudo o que eu mais precisava. Chegou no momento certo. Trabalho há 30 anos com roupas de aluguel e desde o primeiro dia venho aplicando tudo o que vi no curso no dia a dia da loja. Ver as roupas que alugo fazendo parte de um desfile para a minha comunidade não tem preço. Estou me sentindo famosa”, brincou a empreendedora.

Moradora do bairro há mais de dez anos, Isadora Oliveira foi uma das visitantes que chegou cedo para conferir de perto os estands e acompanhar os desfiles. “Eu estou adorando. É uma iniciativa muito boa para o meu bairro. Moro aqui há um bom tempo e tem lojas que eu não sabia que tinham no Mocambinho. O desfile, para mim, foi o diferencial da noite. Muita roupa bonita. Amei”, analisou.

O Projeto Empreende Bairro é uma realização da Prefeitura de Teresina por meio da Semdec, em parceria com a Rede Clube, o Sebrae no Piauí e o Conselho Regional de Administração (CRA-PI). Todas as capacitações, que iniciaram no final de outubro, ocorreram durante a noite na sede do Instituto Educacional São José e se centralizaram em quatro cursos: Gestão de Marketing, Finanças, Pessoas e Tecnologia e Sustentabilidade.

Feira com desfile de moda encerra Projeto Empreende Bairro nesta sexta (22)

Os micro e pequenos empreendedores do bairro Mocambinho, zona norte de Teresina, terão uma oportunidade especial na noite desta sexta-feira (22). A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec) realizará a Feira Empreende Bairro, evento que vai reunir empreendedores da região para realizar negócios, expor produtos e serviços, com direito a desfile de moda e apresentações musicais.

A Feira, que será realizada no espaço da Praça Professor Paulo de Tarso, mais conhecida como Praça da Telemar, tem como objetivo fechar o ciclo de minicursos oferecidos pelo Projeto iniciado no último dia 30 de outubro.

Com exposição e venda de roupas, acessórios, comida e bebidas, a Feira Empreende Bairro também será uma ótima oportunidade para empresários do setor da moda da localidade, exporem suas peças. Um desfile de moda reunindo o melhor de cada empreendimento será realizado no evento. Além disso, as bandas Rosa Xote e Sandália de Couro comandarão a parte musical da noite com muito forró.

“Essa feira, com o desfile, será o encerramento perfeito deste Projeto. É uma oportunidade única do empresariado do Mocambinho aparecer. Com certeza pessoas que não conheciam alguns produtos e serviços passarão a conhecer com essa exposição. A ideia é justamente essa: fazer com que eles aparecem e multipliquem seus negócios. Afinal, o objetivo principal do Projeto Empreende Bairro é ajudar empreendedores para que eles se superem e consigam fazer e manter a circulação de dinheiro dentro seu bairro, gerando riqueza, renda e emprego”, explica o secretário da Semdec, Venâncio Cardoso.

Segundo a Gerente de Micro e Pequenas Empresas da Semdec, Fabiana Nascimento, o desfile está sendo preparado para atender o maior número de empreendedores que trabalham com moda. “No início do projeto identificamos que o Mocambinho é um bairro que trabalha com moda e que tem grande capacidade para continuar trabalhando no setor. Queremos que o desfile abarque a maior quantidade de empreendedores desse ramo. No bairro há quem trabalhe com produção de roupas, vendas, aluguel, além de fabricantes de sandálias, bolsas, entre outros acessórios. Queremos que eles se exponham para o seu público inicial, que são os moradores do bairro”, comenta.

O Projeto Empreende Bairro é uma realização da Prefeitura de Teresina por meio da Semdec, em parceria com a Rede Clube, o Sebrae no Piauí e o Conselho Regional de Administração (CRA-PI). Todas as capacitações ocorreram durante a noite na sede do Instituto Educacional São José e se centralizaram em quatro cursos: Gestão de Marketing, Pessoas, Finanças e Tecnologia e Sustentabilidade.

Projeto piloto “Educação para o Consumo Consciente” tem primeira aula prática

Já está sendo dada continuidade nas atividades do projeto piloto “Educação para o Consumo Consciente”, que pretende expandir a noção de racionalidade do consumo. Na tarde desta quarta-feira (20), o Procon Teresina levou cerca de 15 alunos do 4° ano do ensino fundamental da Escola Municipal Murilo Braga, zona norte, para uma visita a estabelecimentos comerciais da cidade. Auxiliados pela cartilha “ABC do Consumidor Mirim”, o foco era fazer com que os alunos vivenciassem direitos e deveres referentes ao consumo.

De acordo com a Coordenadora Geral do órgão, Nara Cronembeger, a aula prática funciona como um suporte aos assuntos pontuados em sala. “Essas aulas fazem parte da segunda etapa do projeto piloto. São elas que vão fundamentar e exemplificar todos os assuntos que abordamos em sala. Fazer com que eles identifiquem, por exemplo, o preço do produto, a data de validade e propagandas enganosas, vem sendo o principal objetivo dessa visita. Além disso, buscamos orientá-los acerca do papel que o Procon exerce na garantia dos direitos deles, consumidores”, afirma.

A professora de matemática da escola, Elisana Costa, que acompanhou de perto a atividade, disse que o projeto vem ajudando os pequenos a perceberem as relações de consumo e a entenderem as informações que os produtos oferecem.

“Eles estão muito empolgados e toda essa empolgação, querendo ou não, está fazendo com que despertem a curiosidade com a questão do comprar e do vender. Eles mesmos estão indo atrás de saber qual o preço dos produtos, qual a data de validade, se aquela informação é uma propaganda enganosa, então é muito interessante ver que estão entendendo, na prática, quais são os direitos deles enquanto consumidores”, analisa.

A pequena Maria Sofia, de apenas 10 anos de idade, afirmou que ficará mais atenta na hora de ir às compras com os pais. “Eu gostei muito dessa aula. Agora quando eu for fazer compras com a minha mãe vou dizer pra ela ficar esperta, por que eu aprendi que a gente deve reclamar quando o produto está com prazo de validade vencido e se o preço, na hora de pagar, for diferente do que a gente viu”, comenta.

A aula foi finalizada com a visita dos alunos às instalações do Procon Teresina, que fica localizada na zona leste. Lá eles conheceram os espaços do órgão, revisaram os assuntos propostos na aula prática e prestaram bastante atenção nas orientações necessárias para se realizar uma reclamação. O projeto piloto de “Educação Para o Consumo Consciente” é uma parceria entre Semdec, Semec e a Faculdade Facid Wyden e foi lançado no final de agosto.

Ser empresa sustentável é foco de discussão no último minicurso do Projeto Empreende Bairro

As várias perspectivas da tecnologia, aliada a sustentabilidade, é foco do último minicurso oferecido pelo Empreende Bairro. O curso intitulado ‘Tecnologia e Sustentabilidade’, que começa nesta terça-feira (19), a partir das 18h, será conduzido pela professora e consultora do Sebrae no Piauí, Mirna Escórcio, e tem como objetivo fazer com que os empreendedores ponham em prática o hábito de serem sustentáveis em seus negócios, desde o começo.

Temas como dimensão econômica, social e ambiental da sustentabilidade; boas práticas sustentáveis; melhoria da imagem e lucratividade da empresa a partir do “ser sustentável”; consumo consciente e redução de desperdícios, serão as bases do curso que acontecerá no Instituto Educacional São José, no bairro Mocambinho, zona norte. O minicurso encerra na sexta-feira (22).

De acordo com a consultora do Sebrae no Piauí, os alunos poderão esperar uma aula que una teoria e prática. “Sempre trabalho a contextualização para que os participantes possam transformar a teoria em prática de acordo com suas atividades e/ou setor. Então serão compartilhados conhecimentos na área cognitiva para que eles possam aplicar através da área atitudinal e desenvolver assim a sustentabilidade em suas empresas”, explica.

Ainda de acordo com Mirna Escórcio, a maior dificuldade ao trabalhar a sustentabilidade empresarial são as questões culturais já absorvidas pela grande maioria dos micro e pequenos empreendedores. “Geralmente eles não têm o hábito de trabalhar a sustentabilidade porque acham um tema muito distante da sua realidade, alguns acham que por serem ‘tão pequenos’ não precisam ou não têm como ‘investir’ em sustentabilidade. Nosso objetivo é justamente trabalhar neles a quebra desse padrão de pensamento, desse paradigma”, relata.

Para Thatyara Queiroz, empreendedora no ramo de acessórios, o curso veio como oportunidade a mais da sua empresa contribuir com o meio ambiente e ser sustentável. “Este é o tema do momento, talvez um dos cursos mais importantes. Quero muito poder mostrar aos meus clientes que eu e minha empresa nos preocupamos e contribuímos com a melhoria do nosso planeta. Eu já tento colocar a sustentabilidade em prática na minha empresa por meio das sacolas e dos papeis de personalização da entrega, mas espero poder aprender mais e tirar as minhas dúvidas com a professora”, finaliza.

O Projeto Empreende Bairro é uma realização da Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), em parceria com a Rede Clube, o Sebrae no Piauí e o Conselho Regional de Administração (CRA-PI).

Feira Empreende Bairro

Na última segunda-feira (18), os participantes do Empreende Bairro receberam uma aula de orientação para a feira de encerramento do projeto. A ‘Feira Empreende Bairro’, que ocorrerá na sexta-feira (22), das 17h às 23h, tem como objetivo unir empreendedores da região para expor seus produtos e serviços, misturando a ação com apresentações culturais, fechando o ciclo de capacitações do Projeto. A aula ministrada pela consultora de moda do Sebrae no Piauí, Gabriela Fortes, centralizou informações fundamentais para a boa exposição durante o evento.

Procon Teresina orienta consumidores para Black Friday

No próximo dia 29, acontece a 9ª Edição da Black Friday brasileira, ação caracterizada pela venda de produtos e serviços com descontos significativos em lojas físicas e virtuais. Para orientar os consumidores da capital neste período, o Procon Teresina chama atenção para direitos básicos regulamentados no Código de Defesa do Consumidor (CDC): a proibição da publicidade enganosa ou abusiva e o direito à informação.

Segundo o CDC, é considerada enganosa a publicidade que leva o consumidor ao erro, prometendo algo que na realidade não vai ocorrer. Já a publicidade abusiva é aquela que traz algum tipo de discriminação, incitação à violência, explora o medo ou superstição, se aproveita da condição de criança, desrespeita valores ambientais ou é capaz de levar as pessoas a se comportarem de forma prejudicial ou perigosa à própria saúde e segurança.

A Coordenadora Geral do Procon Teresina, Nara Cronemberger, ressalta a importância de procurar por estabelecimentos onde o cliente tenha certeza sobre o compromisso da loja com o cliente. “Sabe aquele slogan ‘Leve o seu eletroeletrônico pela metade do preço’? Muita atenção e reflexão nesse momento, pois o que pode parecer uma oportunidade sem igual na verdade pode ser uma eventual prática perniciosa a você. Procure sempre uma loja que tenha compromisso com os descontos reais”, explica.

Ainda de acordo com a coordenadora, o segundo direito ao qual as pessoas devem estar atentas é à informação clara, completa e plena acerca do produto ou serviço a ser adquirido.

“Esta é uma condição básica e fundamental para o desenvolvimento harmônico das relações consumeristas, uma vez que, de acordo com o princípio da transparência, é obrigação do fornecedor dar ao consumidor a oportunidade prévia de conhecer os produtos e serviços. Estes são direitos que, quando respeitados, evitam reclamações e insatisfações, tornando desnecessárias as sanções administrativas previstas em lei. Por isso, em casos de dúvidas ou reclamações, deve-se procurar uma unidade do Procon”, orienta Nara.

A Black Friday é um evento que teve origem nos Estados Unidos e acontece sempre na sexta-feira, após o feriado de Ação de Graças (28 de novembro). O “dia promocional” chegou ao Brasil em 2010. De acordo com o site oficial da promoção no país, a previsão para 2019 é que a ação atinja mais um recorde em vendas, com um crescimento de 21% em relação a 2018, gerando um faturamento que ultrapassará a casa de R$ 3,1 bilhões de reais.

 

Empreende Bairro: Curso de Gestão Financeira promove planejamento financeiro saudável

Com foco em um planejamento financeiro saudável, o curso de Gestão Financeira, um dos mais importantes do Projeto Empreende Bairro, está levando para os participantes debates para melhorar o controle do dinheiro das micro e pequenas empresas. O minicurso é moderado pelo Sebrae no Piauí, parceiro da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), realizadora do projeto.

Tópicos como Projeção Orçamentária, Controle Mensal das Finanças, Taxações, além de um olhar analítico sobre o fluxo de caixa, são os pilares do curso que deve terminar na sexta-feira (15). As capacitações estão sendo realizadas no Instituto Educacional São José, bairro Mocambinho, zona norte de Teresina.

De acordo com o professor e consultor do Sebrae no Piauí, Paulo Medeiros, a grande dificuldade no segmento das finanças, apresentada pelos empreendedores que participam do projeto, é separar o caixa pessoal do da empresa. “De uma maneira geral, isso é sintomático. Eles ainda não são empresários profissionais de grande recurso para ter um equilíbrio financeiro. Na verdade, aqui há uma mistura muito grande entre pessoa física, pessoa família, com a despesa do seu negócio, com a despesa da empresa. Essa grande mistura é muito difícil de ser cortada. A proposta é justamente fornecer elementos para que eles consigam fazer essa separação”, explica o professor.

O curso, ainda de acordo com o professor, tem diretrizes nacionais estabelecidas pelo Sebrae, mas tenta fazer uma adaptação à realidade desse grupo apresentado no Empreende Bairro. “O Sebrae, a nível nacional, distribui essa metodologia, ou seja, de norte a sul do país tem exatamente essa prática. Porém, o público que estou vendo aqui é um grupo de pessoas cujo empreendimento está começando agora. São empreendedores de pequeno nível, quase artesões e merecem um cuidado, alertas, muito mais forte que o conceito seco da metodologia . A relação tem que ser mais humana, mais próxima da vida deles, da realidade deles”, destaca.

Outra questão importante, apontada em sala de aula, é saber dar valor ao produto próprio, por meio de organização e precificação, por exemplo. Esse é um dos principais aprendizados absorvidos por Socorro Costa, dona de atelier, onde trabalha com costuras variadas em roupa para dormir.

“Uma das coisas que melhor posso aproveitar do que vimos até agora, é a questão da organização dos valores como venda. Saber calcular melhor e precificar meus produtos. Acho que muita gente não sabe fazer isso”, aponta.

O Projeto Empreende Bairro é uma realização da Semdec, em parceria com a Rede Clube, o Sebrae no Piauí e o CRA-PI. A previsão é que, após o término dos minicursos, no fim do mês de novembro, seja realizada uma feira na Praça da Telemar. A ‘Feira Empreende’ tem como objetivo unir todos os empreendedores do bairro para expor seus produtos e serviços, misturando a ação com apresentações culturais.

Semdec apresenta as potencialidades de Teresina em feira internacional no RS

Levando cajuína, castanhas e o tradicional doce de caju, a Prefeitura de Teresina, por meio da equipe técnica da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), representou a capital do Piauí na 31ª Feira Internacional de Turismo de Gramado (Festuris), que aconteceu no Serra Park, em Gramado (RS). O evento, que reúne os principais atores do setor de Turismo da América do Sul, terminou na tarde do último domingo (10).

A Semdec, que foi representada pelo coordenador especial de Turismo, Eneas Barros, e pela técnica Maria José Sepúlveda, também expos peças promocionais sobre a capital do Piauí. Para essa edição, a Secretaria fez parceria com o SEBRAE no Piauí e com a Secretaria de Estado do Turismo (Setur), para montar Stand próprio no local.

Durante a programação, houve um momento de capacitação dedicado ao Piauí, quando foram apresentados os programas Teresina Vai Encantar Você, Trilha das Emoções e Rota das Emoções. O espaço foi todo direcionado para investidores. O objetivo era mostrar não só o potencial para turismo de negócios e eventos, mas também o turismo de lazer, contemplando várias cidades do Piauí, inclusive o Delta do Rio Parnaíba e a Serra da Capivara.

A Feira, que teve início na sexta-feira (7), contabilizou cerca de 2.700 marcas expostas e mais de 16 mil inscrições. A internacionalização é uma das características do evento. Ao longo de suas três décadas, o Festuris se consolidou como a melhor feira de negócios turísticos e viagens da América do Sul.

De acordo com o Eneas Barros, a Semdec tem procurado manter a participação em eventos similares, cuja importância é inserir Teresina em uma rota turística. “Esse é um dos maiores eventos do setor de Turismo no país, e nesta edição conseguimos levar empresários hoteleiros, agentes de viagens e sites profissionais. Eles tiveram a oportunidade de interagir e fechar negócios com grandes operadoras, mostrando as belezas, as potencialidades para negócios e lazer que Teresina tem e que o Piauí pode oferecer. O setor de Turismo começa a ser explorado profissionalmente, e esse é o maior trunfo de nosso secretário Venâncio Cardoso”, explica.

Também estiveram presentes no evento autoridades como a secretária da Setur, Carina Câmara, e a gerente do Sebrae no Piauí, Alreni Lima, além dos empresários Dirk Zobiak (Grupo Arrey de Hoteis), Nícolas Barbosa (Rota do Carcará) e Márcio Barbosa (TDF Turismo). A participação da SEMDEC na 31ª Feira Internacional de Turismo de Gramado foi autorizada pelo Conselho Municipal de Turismo (Comtur), com recursos do Fundo Municipal de Turismo (Fumtur).

 

Empreende Bairro encerra minicurso de Gestão de Pessoas no Mocambinho

Com foco em liderança de pessoas, terminou, na noite desta sexta-feira (8), o segundo minicurso oferecido pelo Projeto Empreende Bairro. O minicurso de Gestão de Pessoas foi moderado pelo Conselho Regional de Administração do Piauí (CRA-PI), parceiro da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec). As capacitações estão sendo realizadas no Instituto Educacional São José, bairro Mocambinho, zona norte de Teresina.

Além de Liderança, Capacitação de Colaboradores, Recrutamento e Seleção e Motivação, foram abordados outros temas em sala. A presidente da Comissão de Gestão de Pessoas do CRA-PI, Laíze Morais, foi a responsável por conduzir as discussões. Segundo ela, a proposta era fazer com que as temáticas forem organizadas para se encaixar na realidade dos empreendedores do bairro onde acontece o projeto.

“O minicurso foi trabalhado de acordo com a realidade daqueles empreendedores. Tivemos uma participação ativa de pessoas de diversos ramos e idades. Para isso executamos um curso com bastante dinâmica de acordo com cada tema. Através dessas dinâmicas, podemos exemplificar, por exemplo, um perfil de um colaborador e a questão da  Liderança. A maioria trabalha por conta própria e estão bem no início. Por isso, logo no começo do curso, nós os orientamos para que eles guardassem todas as informações e tentassem colocar em prática neles mesmos”, explicou.

Para a participante Vanessa Cardoso, dona na empresa Doce Mel, o curso foi um divisor de águas em sua experiência como empreendedora do setor de serviços e alimentos, onde atua há três anos. “Toda essa experiência acrescentou muito na minha vida. Vai existir os bolos antes e depois do projeto, principalmente com esse curso de Gestão de Pessoas. No momento eu não tenho funcionário, mas a questão da gestão de pessoas, não é só o funcionário, é desde o tratar da pessoa com o cliente. Estou encantada com o projeto, que veio para somar. Fico feliz de ter chegado primeiro em nosso bairro”

O presidente do CRA-PI, Roberthy Barbosa, que esteve prestigiando o encerramento do curso, destacou como o projeto pode ajudar os empreendedores a amadurecer sua visão sobre seus negócios e saírem mais preparados para enfrentar a concorrência. “Levar essa capacitação ao empreendedor, organiza a visão deles, faz com que eles percebam coisas que passavam desapercebido. Acredito que eles vão sair mais maduros, mais preparados para disputar melhor com a concorrência. Hoje em dia, ou você se prepara ou dá espaço para aquele que está mais preparado. Que é o que podemos ver em grandes empresas e em empresas de bairro”, explicou.

 

Gestão de Finanças

O próximo minicurso terá início às 18h na segunda-feira (11), também no Instituto Educacional São José. O curso de Gestão Financeira será oferecido pelo Serviço de Apoio às Micros e Pequenas Empresas do Piauí (Sebrae).

O Projeto Empreende Bairro é um realização da Semdec, em parceria com a Rede Clube, o Sebrae no Piauí e o CRA-PI. A previsão é que, após o término dos minicursos, no fim do mês de novembro, seja realizada uma feira na Praça da Telemar. A ‘Feira Empreende’ tem como objetivo unir todos os empreendedores do bairro para expor seus produtos e serviços, misturando a ação com apresentações culturais.

 

Veja quais cursos ainda serão realizados

Gestão Financeira

Data: 11 a 14 de novembro

De 18h às 22h, no Colégio São José

Tecnologia e Sustentabilidade

Data: 18 a 22 de novembro

De 18h às 22h, no Colégio São José

Presença feminina é destaque na abertura do primeiro minicurso do Empreende Bairro

Teve início na noite de quarta-feira (30) o primeiro minicurso oferecido pelo Projeto Empreende Bairro. O curso de Gestão de Marketing contou com a presença de mais de 30 pessoas, todas mulheres. As aulas do projeto estão acontecendo no Instituto Educacional São José, no bairro Mocambinho, zona norte de Teresina.

De acordo com a Gerente de Pequenas e Médias Empresas da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), Fabiana Nascimento, a grande adesão das mulheres ao Empreende Bairro já era esperada.

“Nós identificamos que moda é o ponto forte do bairro, mas obviamente todo e qualquer empreendedor pode participar do projeto, porém já esperávamos a grande participação feminina. Podemos perceber que as mulheres se importam mais que os homens em buscar novas técnicas, novos conhecimentos, melhor capacitação para tocar seus negócios. Essa liderança feminina é uma realidade entre os micro e pequenos empreendedores”, esclarece.

Para a empreendedora, Thatyara Queiroz, dona de uma loja virtual de assessórios, os minicursos são uma oportunidade não só para aprender mais, mas trocar experiências com outros empreendedores.

“Eu fiquei sabendo do projeto pela televisão e me inscrevi. Estou gostando demais e me surpreendeu. Gostei do professor, da dinâmica que ele faz em perguntar, em interagir. Também me inscrevi nos outros cursos, quero participar de todos. Eu estou empolgada com esse projeto, em aprender e também em conhecer outras pessoas, trocar experiências”, disse.

O curso de Gestão em Marketing, que é mediado pelo consultor José Moura do Sebrae no Piauí, será encerrado dia 02 de novembro. No curso, o participante é apresentado a questões sobre segmentação do mercado, pirâmide das necessidades de Maslow, diferenciação entre preço e valor e diferenciais do mercado atual. O curso de Gestão de Recursos Humanos começa somente no próximo dia 04.

O projeto Empreende Bairro é um realização da Semdec, em parceria com a Rede Clube, o Sebrae no Piauí e o Conselho Regional de Administração do Piauí (CRA-PI). A previsão é que após o término dos minicursos, no fim do mês de novembro, seja realizada uma feira na Praça da Telemar. A Feira Empreende tem como objetivo unir todos os empreendedores do bairro para expor seus produtos e serviços, misturando a ação com apresentações culturais.

Veja aqui a programação completa:

Gestão de Marketing
Data: 30 e 31 de outubro/ 01 e 02 de novembro
De 18h às 22h, no Colégio São José

Gestão de Recursos Humanos
Data: 04 a 08 de novembro
De 18h às 22h, no Colégio São José

Gestão Financeira
Data: 11 a 14 de novembro
De 18h às 22h, no Colégio São José

Tecnologia e Sustentabilidade
Data: 18 a 22 de novembro
De 18h às 22h, no Colégio São José

Abertura do Projeto Empreende Bairro destaca erros e acertos na hora de empreender

Aconteceu na noite da última terça-feira (29), a abertura do Projeto Empreende Bairro, iniciativa que ofertará minicursos de capacitação aos microempresários da região do bairro Mocambinho, zona norte de Teresina. Com a presença de várias autoridades, a noite fechou com a palestra “Atendendo e aumentando as vendas”, mediada por Frederico Cadena, onde foram destacadas as principais atitudes contemporâneas para empreender.

Com sede de abertura no Instituto Educacional São José, localizado no coração do bairro, o evento trouxe um discurso que abordou os principais erros na hora de tocar o dia a dia dos pequenos negócios. Também foi destacada a importância de identificar quem são seus clientes e se reciclar, trazendo novidades do mundo do empreendimento para dentro do próprio negócio.

Para o prefeito Firmino Filho, o projeto é importante para capacitar e desenvolver novas habilidades e competências nos empreendedores da região. “Nós todos sabemos que, nos mais variados cantos de Teresina, as pessoas empreendem e se colocam na luta para estabelecer o próprio negócio. Essas pessoas precisam de apoio e esse projeto é um conjunto de ações e atividades para capacitar e para que, assim, possamos desenvolver novas habilidades e competências para esses empreendedores. O pequeno e médio negócio tem um importante papel na geração de emprego e renda. Ele é fortemente baseado no serviço, comércio e é necessária cada vez mais habilidade para que ele possa resistir”, explicou.

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), Venâncio Cardoso, esse é um projeto que vai até o bairro para enxergar o seu principal potencial e desenvolver um trabalho coletivo de capacitação. “A Prefeitura, por meio da Semdec, chega ao bairro, atuando junto com o Conselho de Administração, o Sebrae no Piauí e a Rede Clube. Todos os citados são atores que podem contribuir para o engrandecimento dessa pauta. Nosso objetivo é que, por meio dessas capacitações, esses empreendedores possam enxergar seus erros e acertos e melhorar. É através dos pequenos e médios empreendimentos que fugiremos da crise”, destacou.

Na abertura, estiveram presentes a deputada estadual Flora Izabel e os vereadores Enzo Samuel, Gustavo Gaioso, Teresinha Medeiros e Deolindo Moura. Compareceram, também, o secretário da Semcaspi, Samuel Silveira, e o superintendente da SDU Sudeste, Evandro Hidd.

O projeto

De iniciativa da Semdec, em parceria com a Rede Clube e o Sebrae no Piauí, o projeto Empreende Bairro nasceu com a missão de entrar nos principais bairros de Teresina, observar qual seu potencial econômico e desenvolver um programa de capacitação para os empreendedores do local. A programação, que ocorrerá durante todo o mês de novembro, será voltada para estimular o desenvolvimento econômico da região.

Quatro minicursos serão ofertados com o apoio do Sebrae no Piauí e Conselho Regional de Administração do Piauí (CRA-PI), são eles: Capacitações em Gestão de Marketing, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Financeira e Tecnologia e Sustentabilidade.

As ações se encerram no dia 22 de novembro, com a realização de uma grande feira cultural, que levará os empresários da bairro a expor seus principais produtos e serviços.